30 de junho de 2017

Os Miseráveis – O Musical

Rotina

No mês de Junho tive a oportunidade de ver o o musical “Os Miseráveis“, no teatro Renault (ex teatro Abril).

Inspirado no romance do francês Victor Hugo escrito no século 19, a peça da Broadway repaginada (em 2010) para comemorar os 25 anos do musical chegou ao Brasil este ano.
E a equipe brasileira não perde em nada para a original!

A peça da Brodway "Os Miseráveis" chegou no Brasil e tem tudo que é esperado em um musical de alto padrão, mas não para por aí! http://petitandy.com

A História

O clássico da literatura mundial, dispensa apresentações!

“Os Miseráveis” se passa na França do século XIX (dezenove), uma época de muita fome e miséria.
É neste cenário que conhecemos a história de Jean Valjean: um homem condenado por roubar um pão para sua irmã e seus sete sobrinhos que estavam literalmente morrendo de fome… e penas adicionais por várias tentativas de fuga.

Eventualmente Jean Valjean consegue o direito a condicional, porém o preconceito da sociedade o pressiona a fugir, quebrando sua condicional. Este fato faz com que Javert, o inspetor mais leal da polícia, jure capturar novamente seu prisioneiro… o que faz com que passe sua vida em busca de Jean Valjean.

Em meio a esta perseguição conhecemos outros personagens como Fantine, Cosette, Eponine, entre outros.

A história se trata de amor, redenção, perdão, compaixão, coragem, força, ética e valores, para dizer o mínimo.

A peça da Brodway "Os Miseráveis" chegou no Brasil e tem tudo que é esperado em um musical de alto padrão, mas não para por aí! http://petitandy.com

A Peça

A peça tem tudo que é esperado em um musical de alto padrão: cenários altamente elaborados, música perfeita, luzes e efeitos mágicos com uma orquestra dos sonhos… mas não para por aí!

De acordo com o próprio diretor da peça, este é “um musical mais fílmico, dentro dos limites do teatro“.
Talvez esta declaração pareça um pouco estranha para quem não viu a peça, mas acredite: é a descrição perfeita!

Este é o primeiro musical em que vejo o painel de fundo ser utilizado como recurso cinematográfico, dando dinamismo para as cenas, e acrescentando pontos de vista que antes seriam quase impossíveis de se obter. E acredite, esta experiência vale o preço (salgado) do ingresso!

Músicas como “I Dreamed a Dream“, “Bring Him Home“, “On My Own“, “One Day More” e “Stars“, facilmente reconhecidas mesmo por quem não é fã de musicas, foram perfeitamente adaptadas para o português!

A atuação e interpretação das músicas, ficam por conta do Daniel Diges (Jean Valjean), Nando Pradho (Javert), Kacau Gomes (Fantine), Laura Lobo (Eponine), entre outros.

Em resumo, a peça é maravilhosa!!!!! (não consigo colocar exclamações o suficientes para mostrar minha satisfação)
Quem tiver a oportunidade, não deixe de ir!

Andréia Campos
07 de junho de 2017

Turismo em Santo Antônio do Pinhal

Rotina

Não sei  para você, mas para mim Junho é sinônimo de férias.
E uma oportunidade que eu nunca deixo passar é de viajar nas férias!

Viajar é extremamente importante para nossa saúde mental!
Ao se distanciar de lugares que te lembre de situações estressantes você evita os chamados “gatilhos” de ansiedade, além de que ao viver novas experiências fazem muito bem ao cérebro… o que leva uma onda de felicidade e relaxamento para o corpo.

Mas se você ainda não planejou sua viagem não precisa se desesperar com os preços de passagens de última hora!
Viajar para o interior é uma ótima opção para relaxar e curtir a natureza, entre outras coisas.

Hoje a dica é de uma destas cidades!

Santo Antônio do Pinhal tem a tranquilidade da Serra da Mantiqueira e atrações mais radicais, como o Pico Agudo e a Cachoeira do Lageado. http://petitandy.com

Santo Antônio do Pinhal

Quem visita um destino como Santo Antônio do Pinhal deseja estar próximo das montanhas e de toda a natureza presente na Serra da Mantiqueira.

Dentre os pontos turísticos da região estão as famosas igrejas Matriz de Santo Antônio do Pinhal e São Benedito, e a área de descanso do Boulevard Araucária… mas o destaque fica com as atrações mais radicais e emocionantes, como é o caso do Pico Agudo ou a Cachoeira do Lageado!

Para quem quer se hospedar perto de tudo, a dica é ficar no centro!

O preço acessível e facilidade de localização é um dos principais destaques da “Pousada Santo Antonio”.
A pousada oferece quartos com frigobar, TV, aquecedor, sinal Wi-Fi. Na pousada encontramos também piscina, sauna e churrasqueira.

Outra boa opção é a “Pousada Boa Vista Pinhal”, próxima aos restaurantes mais frequentados e recomendados.
A arquitetura em formato de prédio com fachada estilo alpino não é a única característica que chama a atenção dos visitantes. Os apartamentos oferecem varanda com vista panorâmica para as montanhas!
Quanto à área de lazer, há sala de TV, mesa para leitura, sala de recreação com brinquedos para as crianças, e café da manhã. A pousada ainda oferece serviço de translado.

Por fim, a “Pousada Rio Preto” é outra excelente alternativa de hospedagem no centro da cidade. Simples, mas preza 100% pela praticidade!
São dois tipos de suítes com TV e opção de cama extra, estacionamento e café da manhã incluso.

Santo Antônio do Pinhal tem a tranquilidade da Serra da Mantiqueira e atrações mais radicais, como o Pico Agudo e a Cachoeira do Lageado. http://petitandy.com

A cidade fica há 15 minutos de Campos do Jordão, o que pode ser uma ótima opção para quem quer conhecer a cidade, mas também quer ter a tranquilidade de estar perto das montanhas!

Para conhecer mais sobre a cidade, os passeios e as pousadas, o site “Roteiro de Turismo” dá as dicas completas!

Andréia Campos
03 de maio de 2017

DIY: Moldura Friends

Rotina

Friends foi o primeiro seriado que eu realmente me apaixonei.
Tenho o box com todos os episódios da série e até hoje acho que é um dos únicos que eu consigo assistir várias vezes e ainda dar risada.

Sempre adorei aquela moldura que fica atrás da porta do apartamento da Mônica… e acho que não sou a única, já que esta moldura amarela é um dos ícones do seriado.
A ideia de ter um enfeite bem ali, atrás da porta e envolta do olho-mágico, é sensacional. O que seria um espaço “morto” ganha um detalhe charmoso e irreverente. Adoro mesmo!

Tanto que assim que vi massa de biscuit amarela não duvidei e resolvi arriscar um DIY!

Acho até que me saí bem… o que acham?

 

Clique aqui para salvar este post no Pinterest

Andréia Campos
Página 2 de 1912345
Petit Andy no YouTube. Se Inscreva!